O Que é e-commerce

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O Que é e-commerce?

E-commerce se refere a todas as transações online. Isso inclui uma ampla gama de atividades online e ferramentas, desde internet banking e e-wallets, até ingressos onlines e leilões.

Contudo, e-commerce geralmente significa compras online. Isso se refere a comprar e vender produtos físicos ou digitais através da internet.Entre os sites mais populares de e-commerce estão muitas grandes varejistas online, como Amazon e Walmart.

página inicial da amazon

O Quão Importante é a Indústria de e-commerce?

A indústria de e-commerce não para de crescer. Atualmente, as vendas online representam mais de 14% de todas as vendas de varejo do mundo – e continuarão crescendo no futuro, atingindo 22% em 2023.

Com mais de dois bilhões de compradores digitais ao redor do mundo, a expectativa é de que as vendas online vão representar mais de 95% de todas as compras até 2040.

Em suma, a indústria do e-commerce inevitalmente se tornou uma parte das nossas vidas.

Quais são os Benefícios do e-commerce?

Esses são os benefícios de criar um e-commerce, ao invés de abrir uma loja física padrão:

Mercado Global

O e-commerce supera as barreiras geográficas. Ele permite que você venda para qualquer pessoa em qualquer lugar do mundo.

Ele também faz com que seja mais fácil de se descobrir e comprar os produtos, o que permite que os negócios vendam numa escala que seria impossível numa loja tradicional.

Para os vendedores, essa é uma ótima maneira de aumentar a receita e as vendas. Enquanto isso, os clientes terão mais produtos e serviços disponíveis para escolher e usar, independente de onde moram.

Adicionalmente, o e-commerce não apenas atinge um mercado mais amplo, como também elimina a necessidade de se abrir uma loja física. Você pode começar a criar uma loja de e-commerce no momento em que decidir o que vai vender – e estiver pronto para entrar na internet.

Aberto 24/7/365

Ter a sua empresa na internet significa que você está sempre online.

Como um vendedor, isso aumenta as oportunidades de venda, e a sua receita não precisa depender dos horários em que a sua loja estaria aberta. Acima disso, 87% dos compradores começam as pesquisas por um produto online, então criar uma loja virtual vai expor a sua marca a uma audiência muito maior. 

Para os compradores, as lojas online oferecem gratificação instantânea. Não importa a hora, você pode comprar com apenas alguns cliques, e os produtos ou serviços serão seus.

Essa conveniência é especialmente benéfica se você mira numa audiência global. Você nunca sabe em qual fuso horário eles estão, e operar 24/7 garante que você não vai perder nenhum cliente.

Para maximizar a satisfação dos consumidores, você pode usar chatbots. Isso permite oferecer suporte ao cliente 24/7, mesmo que você não esteja online.

Baixo Custo

Além de eliminar a necessidade de construir ou alugar um espaço físico, criar uma loja de e-commerce também reduz uma série de custos operacionais.

Primeiramente, você pode criar um site de e-commerce por apenas R$ 45,71 por mês.

Em segundo lugar, você pode economizar o que gastaria com um depósito e armazenamento de produtos ao escolher um negócio de dropshipping. Deixe que o fornecedor complete os pedidos para você.

Propagandas online também são mais acessíveis, se comparadas com os canais tradicionais. Melhor ainda, existem muito mais plataformas de propaganda online disponíveis, então você pode ajudar a sua estratégia de marketing para não estourar o orçamento.

Finalmente, elimine o custo de uma folha de pagamento ao tomar conta do negócio e gerenciá-lo você mesmo. Mesmos e precisar de uma equipe, você não terá que contratar tantos funcionários graças aos recursos avançados disponíveis em várias plataformas de e-commerce. Mais sobre isso abaixo.

Facilidade de Gestão

Empresas de e-commerce podem automatizar a gestão de inventário com a ajuda de ferramentas e serviços. Elas simplificam e facilitam as operações e o processo de gestão de inventário.

Por exemplo, você pode adicionar, rastrear e gerenciar o inventário de produtos a partir de uma única página.

Detalhes de envio e de entrega também podem ser resolvidos com ferramentas de cálculo em tempo real. Isso evita que você tenha que criar uma planilha manual de taxas de envio.

Com a plataforma certa, será mais fácil de atingir a eficiência e a produtividade desejadas. Ela também evita o estresse e ajuda você a focar em fazer a sua empresa crescer.

Além disso, a sua loja de e-commerce certamente oferecerá uma ótima experiência de usuário quando os clientes estão fazendo suas compras. O site será rápido e rodará bem, com o sistema de gestão de pedidos garantindo uma entrega rápida.

Informação Descritiva e Segmentação Personalizada de Leads

Com uma loja física, você apenas pode exibir uma quantidade limitada de informações sobre cada produto.

Contudo, esse não é o caso com uma loja de e-commerce. Você pode adicionar descrições detalhadas sobre seus produtos e serviços, assim como exibir quantas variantes de produto desejar. É possível até mesmo incluir informações completas sobre a sua marca para obter credibilidade e ganhar a confiança dos clientes.

Esses pequenos recursos podem parecer insignificantes, mas eles podem de fato encorajar as pessoas a comprarem. De acordo com um estudo, clientes informados se sentem mais satisfeitos e confiantes sobre as suas decisões de compra.

Ter um negócio de e-commerce também permite que você use estratégias de segmentação de leads.

Como a sua loja online pode coletar dados dos clientes, você tem a opção de fazer um marketing personalizado com base nas informações dos consumidores – seja histórico de compra, gênero ou idade.

Use essa informação para oferecer conteúdos diferenciados e dar recomendações personalizadas. É mais provável que elas convertam se você oferecer algo em que as pessoas estão interessadas.

Quatro Tipos de Negócios de e-commerce

Os modelos de negócio de e-commerce são classificados com base nos participantes envolvidos na transação.

Os quatro tipos de modelo de negócio primários de e-commerce são os seguintes:

1. Business to Consumer (B2C)

O modelo de negócios B2C se refere às empresas que vendem produtos e serviços diretamente para os consumidores finais.

Da perspectiva do cliente, essa é a opção em que você compra qualquer produto do site oficial de uma marca. Por exemplo, inclui comprar um celular no apple.com ou encomendar um par de tênis no adidas.com.

Contudo, o B2C não está limitado à venda de produtos. Também pode servir para sites baseados em serviços, como Lawn Guru e Housecall Pro.

Dentre todos os modelos de negócio, o B2C  é o mais conhecido e compreendido.

exemplo de e-commerce lawn guru

2. Business to Business (B2B)

Num modelo de negócio B2B, ambos os participantes são entidades corporativas.

Tipicamente, essa transação ocorre quando uma empresa precisa obter matérias-primas para seus produtos finais.

Vamos tomar a produção de automóveis como um exemplo. Neste caso, um varejista ou revendedor de automóveis faz compras com fabricantes. Essa transação pode incluir comprar pneus, mangueiras de borracha e limpadores de para-brisa.

Por causa disso, B2Bs geralmente têm vendas de alto volume e também trabalham com compras recorrentes.

Alguns exemplos de empresas Business to Business incluem Berlin PackagingFlexfire LED e Bulk Bookstore.

exemplo de e-commerce flexfire leds

3. Consumer to Business (C2B)

modelo C2B permite que indivíduos vendam bens e serviços para empresas. Essa abordagem dá aos clientes o poder de determinar o seu preço.Sites de trabalho freelancer e programas de afiliados são categorizados como C2B. Sendo assim, empresas como UpworkHubstaff Talent e Fiverr pertencem a esse modelo.

exemplo de e-commerce upwork

4. Consumer to Consumer (C2C)

O modelo de negócio C2C conecta consumidores. Ele permite que uma pessoa venda para outra através da internet.

Esse processo geralmente é feito com a ajuda de marketplaces online como intermediários.Neste caso, sites B2C como eBay e Craigslist podem ajudar os clientes a vender para outros consumidores – basta criar uma conta.

exemplo de e-commerce craigslist
F5 Network

F5 Network

Hospedagem de Sites com planos que cabem no seu bolso.

Deixe um Comentário

Inscreva-se em nossa Newsletter

Increva-se agora mesmos na nossa Newsletter e fique sempre por dentro das novidades e promoções que preparamos para você.

Precisando de Ajuda?

Ainda com dúvidas de como sobre como ter a Melhor Hospedagem de Sites do Brasil? Nossa equipe de especialistas está pronta para te atender e tirar todas as suas dúvidas. 

Atendimentos de 2ª a 6ª, das 8h às 19h.

Se preferir, ligue para nós. +55 11 3464.3833
Rolar para cima